URI/FW passa a realizar exames para Covid-19
Universidade também renovou de parceria para estágio acadêmico no HDP
Publicado em 16 de setembro de 2020
Compartilhar
A- A A+

O Laboratório de Análises Clínicas da URI/FW, desde 2004, atende a comunidade de Frederico Westphalen e região com a realização de exames laboratoriais particulares, pela Unimed e SUS. Agora, a instituição passará a realizar testes para Covid-19, pelo método de Elisa, um dos mais confiáveis para identificar a presença de anticorpos de fase aguda (IgM) ou de contato prévio (IgG) com o vírus que causa a doença. Esta metodologia se aproxima dos 100% de sensibilidade e especificidade, diferentemente de outras que ficam consideravelmente abaixo disso. Para a análise faz-se necessário a retirada de 4,5 mL de sangue por punção venosa.

De acordo com o professor e um dos coordenadores do laboratório, Carlos Eduardo Blanco Linares, a universidade está na busca constante pelo aprimoramento dos processos, possui conceito excelente concedido pelo Programa Nacional de Controle de Qualidade (PNCQ), programa que é patrocinado pela Sociedade Brasileira de Análises Clínicas.

Associações, empresas, grupos familiares, ACIs, CDLs e laboratórios da região que têm interesse em contratar os serviços do laboratório devem procurar a instituição. 

Reunião trata sobre renovação de parceria para estágio acadêmico entre URI e HDP

Uma reunião entre o Hospital Divina Providência e a Universidade Regional Integrada (URI) de Frederico Westphalen, pautou os laços para a realização de estágios acadêmicos.   Devido à pandemia do Coronavírus, a atuação dos estudantes dentro do HDP foi suspensa temporariamente, conforme orientações do Ministério Público do Trabalho. A reunião, que aconteceu no dia 11 de setembro, teve como objetivo refletir sobre a atuação dos discentes na casa de saúde, tendo em vista que os estágios proporcionam novos modos de adquirir conhecimento e compartilhar experiências.  A prática de atividades externas, considerada um diferencial oferecido pela URI/FW, é uma forma pedagógica aplicada em todos os cursos oferecidos pela universidade. 

A Diretora Geral da URI/FW, Silvia Regina Canan, destaca que essa é uma ação que beneficia ambas as instituições envolvidas, “O HDP tem sido, ao longo dos anos, um grande parceiro da URI especialmente por abrir suas portas à realização das práticas e dos estágios dos alunos dos cursos da área da saúde como: Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição, Farmácia, Psicologia, que aprimoram seus conhecimentos desenvolvendo práticas em saúde. De outro lado a URI contribui com o HDP mantendo uma estagiária na brinquedoteca do Hospital para atender os internos infantis, e também através dos cursos de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Arquitetura e Urbanismo e Ciências Biológicas, atuando junto ao desenvolvimento de projetos para melhoria e ampliação de estruturas. É uma via de mão dupla. As duas instituições atuam juntas porque são comunitárias e querem o bem comum e a excelência em sua formação e no atendimento ao público”, destaca a Diretora.

Durante o encontro, o presidente do HDP, José Luiz Haubert, ressaltou a importância da relação entre o Hospital e a instituição de ensino. “O Hospital tem todo interesse em reafirmar essa parceria em todas as áreas possíveis. O HDP está de portas abertas e conta com essa ajuda dos estudantes. É importante trazer inovações, tecnologias e manter a nossa casa de saúde alinhada com a Universidade. Esperamos que logo possamos contar com as atividades realizadas pelos estudantes.”, afirma.

A parceria para os estágios acadêmicos segue ativa entre HDP e URI/FW, assim como para os demais projetos conjuntos, mas as instituições aguardam o retorno das aulas presenciais para discutir novamente a atuação dos estudantes na casa de saúde. As atividades presenciais possibilitam aos estagiários uma formação completa, qualificando o futuro profissional para o mercado de trabalho, além de trazer inúmeros benefícios para o hospital.

Fonte: Com informações do Jornal O Alto Uruguai
Fotos
Comentários