IPVA de placas com final 8 e 9 tem vencimento nesta semana
Motoristas podem consultar valor a ser pago no site específico sobre o imposto (www.ipva.rs.gov.br)
Publicado em 20 de abril de 2020
Compartilhar
A- A A+

O pagamento do IPVA 2020 (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de acordo com o final da placa do veículo tem novos vencimentos nesta semana.

Quarta-feira, 22, é a dia limite para pagamentos relativos às placas com final 8. Na sexta-feira, 24, com final 9. O vencimento dos números seguintes ocorre sempre a cada dois dias úteis ao longo do mês de abril (ver tabela abaixo).

Pagamento

Neste período de restrição de deslocamentos, a Receita Estadual reforça a opção de pagamento online pelo Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi e Banco do Brasil (neste último somente para clientes).

Já há uma grande parte dos contribuintes que utilizam aplicativos ou serviços de home banking no pagamento do IPVA, o que deve ser intensificado neste período. Quem não tiver acesso a essa modalidade precisa realizar o pagamento nos bancos citados ou também nas Agências Lotéricas da Caixa.

Para fazer o pagamento, basta ter em mãos o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou apenas a placa e o Renavam do veículo.

A consulta do valor a ser pago e multas e pendências estão disponíveis no site específico sobre o imposto (www.ipva.rs.gov.br) ou no aplicativo para dispositivos móveis IPVA RS, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play.

Descontos do Bom Motorista e Bom Cidadão

Os descontos de Bom Motorista e Bom Cidadão podem ser cumulativos. Os condutores que não receberam multas nos últimos três anos terão redução de Bom Motorista de 15% no valor do tributo. Para quem não foi multado há dois anos, o índice é de 10%, e para quem ficou um ano sem infrações, o abatimento é de 5%.

O desconto do Bom Cidadão dará aos proprietários de veículos inscritos no programa Nota Fiscal Gaúcha um desconto de 5% para quem acumulou no mínimo 150 notas fiscais com CPF, 3% para quem teve entre 100 e 149 notas e 1% para quem acumulou entre 51 e 99 notas.

Atraso de pagamento

O contribuinte que não pagar o tributo em dia, além de perder os descontos, terá multa de 0,334% ao dia sobre o valor do imposto não pago, até o limite de 20%. Depois de 60 dias em atraso, o débito sofrerá acréscimo de mais 5%.

Fonte: Sefaz/RS
Fotos
Comentários